IOT (Internet das Coisas) no marketing e no ecossistema digital brasileiro

Quando falamos de tecnologia no Brasil, o cenário da Internet das Coisas se demonstrou bastante promissor quando analisamos os dados do estudo “Internet das Coisas: um plano de ação para o Brasil” que avalia que em 2025, 200 Bilhões de reais serão movimentados. Além disso o IDC Brasil previu que mais de 8 bilhões de reais serão investidos no setor somente em 2018.

Este cenário é bastante promissor para o agronegócio e indústrias de base no Brasil, já que são setores de grande peso no PIB brasileiro e foram destacados no estudo do BNDES. E para o universo do marketing, um novo universo de possibilidades de ações de marketing e canais são abertos com a Internet das coisas. Alguns exemplos são:

1) Experiência do usuário no varejo

Dispositivos no varejo poderão enviar informações para os clientes, conforme exemplo dado no artigo da ComputerWord.

2) Weareables

Umas vez que nossos relógios estão conectados a internet, serviços de notificações podem ser habilitadas quando o usuário passa por alguma promoção. Outros dispositivos, abrem a possibilidade de monitorar indicadores de saúde abre uma gama de serviços enorme para a área da saúde. Poderia ser ofertado remédios, alimentos e consultas conforme o bem-estar do paciente.

3) Smart Cities e Mobilidade Urbana

Desde postes de iluminação a carros automáticos, todos esses dispositivos com internet podem se comportar de forma a se adaptar ao comportamento das pessoas que estão por perto de acordo com seus dispositivos. Uma pessoa poderá ser impactada com um anúncio segmentado de acordo com as suas preferencias por mídias nestes dispositivos, assim como serviços adicionais que tenham a ver com a sua jornada.

No geral, do ponto de visa de marketing, a partir do momento que objetos passam a ter acesso a internet e por consequência a armazenar e processar dados de comportamento das pessoas, um novo cenário de oportunidades é aberto para a indústria de mídia.

A Internet das Coisas, além de ser uma ferramenta para trazer mais informações para campanhas de marketing, ela mesmo poderá ser a mídia que cruzara informações de acesso de uso da internet, para trazer ainda mais uma experiência única e customizada as pessoas.

Visto essa possibilidade de cruzar dados e ter vários dispositivos conectados entre si, as máquinas vão aprender a prever nosso comportamento trazendo conveniência ao dia a dia. E, principalmente poderão tornar a experiência de ofertar serviços e produtos tão natural ao ponto de anúncios, embora mais invasivos, se tornarem praticamente imperceptíveis.


Clique aqui para conhecer mais sobre a Digital Bees.

 


Fontes:

https://blog.opinionbox.com/internet-das-coisas-investimento-iot-no-brasil/

https://canaltech.com.br/internet/iot-internet-das-coisas-e-o-brasil/

https://computerworld.com.br/2018/01/22/5-projecoes-para-o-mercado-deiot-no-brasil/

https://www.valor.com.br/empresas/5293469/internet-das-coisasmovimentara-us-8-bi-no-brasil-em-2018-estima-idc

https://blog.hubspot.com/marketing/6-predictions-for-the-convergence-of-iotand-digital-marketing

• https://data-flair.training/blogs/iot-applications-in-media/